Encontro de treinadores

CT Time Brasil recebe Encontro Anual de Treinadores Olímpicos Rumo a Tóquio 2020

256.V

Rafael Bello/COB
Evento realizado pelo COB contará com a presença de especialistas internacionais em Ciências do Esporte e treinadores brasileiros como palestrantes

Evento realizado pelo COB contará com a presença de especialistas internacionais em Ciências do Esporte e treinadores brasileiros como palestrantes

Prestes a entrar no ano olímpico, o Comitê Olímpico do Brasil (COB) segue investindo em conhecimento como um dos pilares da preparação da delegação brasileira para os Jogos Olímpicos Tóquio 2020. De 08 a 10 de novembro, no Centro de Treinamento Time Brasil, no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro, alguns dos principais treinadores e comissões técnicas do país estarão reunidos para o Encontro Anual de Treinadores Olímpicos Rumo a Tóquio 2020.

Aproveitando a ocasião, esses 100 profissionais terão a oportunidade de acompanhar também o Seminário Internacional de Ciências do Esporte, que reúne especialistas nacionais e internacionais para uma série de palestras sobre temas relativos às particularidades da capital japonesa no período dos Jogos, como clima, fuso horário e alimentação, entre outros desafios que a competição apresentará aos atletas brasileiros.

“O COB quer promover uma grande troca de ideias e falar de detalhes que podem fazer a diferença na hora de disputar uma medalha. Por isso, trouxemos o Seminário para dentro do Encontro Anual. Desenvolvemos esse modelo para os Jogos Rio 2016 e estamos repetindo agora. Já reunimos os presidentes das Confederações, agora vamos realizar o encontro dos treinadores, nos dias 18 e 19 de novembro vamos nos encontrar com os chefes de equipe, e no ano que vem haverá debates com psicólogos, fisioterapeutas, médicos, novamente com chefes de equipe e técnicos e, claro, com os atletas”, disse Jorge Bichara, diretor de esportes do COB. “Encontros como este são fundamentais para a preparação adequada da delegação brasileira rumo aos Jogos Olímpicos”, completou.

As palestras serão realizadas por especialistas internacionais em Ciências do Esporte e treinadores brasileiros de renome, como Bernardinho, dono de sete medalhas olímpicas, e Fernando Possenti, tricampeão do Circuito Mundial de Maratonas Aquáticas orientando Ana Marcela Cunha. Entre os estrangeiros, o americano Loren Seagrave, o francês Franck Brocherie e o britânico Lee Taylor falarão sobre os desafios do clima na performance de atletas; o alemão Günter Lange, sobre jet lag; o francês Gregoire Millet e o australiano David Bishop apresentarão informações sobre treinos em condições climáticas e geográficas específicas.

Entre os 100 treinadores, auxiliares técnicos, preparadores físicos e coordenadores técnicos presentes ao evento, estão José Neto, da seleção feminina de basquete; Matheus Alves, da seleção de boxe; Lauro “Pinda” Souza, da seleção de canoagem velocidade; Marco Char, da dupla Ágatha e Duda do vôlei de praia; Cristiano Albino, da ginástica artística; Reis Castro, da dupla Ana Patrícia e Rebecca do vôlei de praia; Torben Grael, coordenador técnico da vela; Rosicleia Campos, Mário Tsutsui e Yuko Fujii, da seleção de judô; Felipe Siqueira, do revezamento masculino 4x100m do atletismo; Rick Azevedo, treinador do pólo aquático; Diego Spigolon, do karatê; Thomas Allier, do ciclismo BMX; e Ian O’Brien, do triatlo.

Os Jogos Olímpicos Tóquio 2020 serão realizados de 24 de julho a 09 de agosto. O Brasil tem, até o momento, 151 vagas garantidas em 18 modalidades. São elas: atletismo (23 vagas), canoagem slalom (2 vagas), canoagem velocidade (2 vagas), futebol (18 vagas), ginástica artística (5 vagas), handebol (14 vagas), hipismo (9 vagas), maratonas aquáticas (1 vaga), natação (12 vagas), pentatlo moderno (1 vaga), rugby sevens (12 vagas), surfe (1 vaga), tênis (1 vaga), tênis de mesa (6 vagas), tiro com arco (1 vaga), vela (11 vagas), vôlei (24 vagas) e vôlei de praia (8 vagas).

www.cob.org.br
Comitê Olímpico do Brasil

Mais...

Buscas

Todas as notícias