Jogos Olímpicos/Saúde

Governo reitera importância de laboratório brasileiro em testes no Jogos Rio 2016

1179.V

Natasha Montier
O laboratório é a unidade de referência para os testes de amostras dos jogos olímpicos e paralímpicos do Rio de Janeiro

O laboratório é a unidade de referência para os testes de amostras dos jogos olímpicos e paralímpicos do Rio de Janeiro

Suspensão

Instituto de controle de dopagem foi notificado na última quarta-feira (22) por não conformidade com normas internacionais

A Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) ressaltou, em nota divulgada nesta sexta-feira (24), a relevância do Laboratório Brasileiro de Controle de Dopagem (LBCD), para a realização dos testes durante os Jogos Rio 2016, bem como legado técnico-científico na luta contra a dopagem no esporte.

O centro de pesquisa, do Instituto de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), teve sua acreditação (avaliação e certificação da qualidade de serviços de saúde.) suspensa por parte da Agência Mundial Antidoping (Wada), na última quarta-feira (22), por não estar em conformidade com a normatização internacional.

A suspensão é válida para os próximos seis meses ou até que a agência altere sua decisão. O laboratório é a unidade de referência para os testes de amostras dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro.

Em nota, a ABCD destacou que confia no trabalho desempenhado pelo instituto de pesquisa – com mais de 2,5 mil testes realizados desde a inauguração – e tem a forte expectativa de que a instituição tomará todas as providências necessárias para que a suspensão provisória seja revista o mais breve possível.

www.brasil.gov.br
Portal Brasil, com informações do Ministério do Esporte

Mais...

Buscas

Todas as notícias